Você, que tem acompanhado os nossos artigos, com certeza já leu o post sobre o caso Cambridge Analytica, relacionado ao vazamento dos dados pessoais dos usuários do Facebook. De qualquer forma, depois que a situação veio à tona, grande parte dos usuários do Facebook ficou mais apreensiva e com o pé atrás com relação à rede social.

Resumindo o nosso sentimento: a partir de agora todo cuidado é pouco! Afinal, não faltam por aí empresas e pessoas mal intencionados e que a cada dia descobrem maneiras de ter acesso às nossas informações. Vale, portanto, uma certa atenção, tanto com relação ao seu perfil pessoal quanto com relação ao profissional.

Você precisa manter esse canal com o seu cliente atualizado e com as informações necessárias para o bom andamento da sua empresa, mas deve ser cuidadoso para evitar que dados que interessam apenas a você e ao seu negócio sejam utilizados por outras pessoas, certo?

No artigo sobre a Cambridge Analytica, que mencionei no início desse texto, demos algumas dicas bem legais sobre as boas práticas ao divulgar os seus serviços nas redes sociais para prospectar novos clientes. Hoje, a ideia é apresentar 10 dicas para você evitar de uma vez por todas que o Facebook use as suas informações.

Fale-me mais sobre isso!

Dica 1 – Revise os seus aplicativos

Os aplicativos que possuem acesso à sua conta do Facebook podem ter as informações do seu perfil, dos endereços de e-mail, dos seus amigos e até das curtidas e fotos. Lembre-se de que foi assim que a Cambridge Analytica coletou as informações de diversos usuários.

Portanto, escolha aplicativos que sejam realmente confiáveis e que de fato precisam ser utilizados. Evite aqueles de jogos, de testes de personalidade, entre outros que andam rodando por aí.

Dica 2 – Ajuste os aplicativos que outras pessoas usam

Na página de configuração de aplicativos é importante que clique em “editar” na seção Aplicativos que outras pessoas usam e que desmarque todas as opções. Isso vai impedir que os apps que os seus amigos usam acessem as suas informações. Assim, se eles não tiverem aquele cuidado especial com os dados deles, você não correrá o risco de ser afetado.

Dica 3 – Desative a opção “entrar com o Facebook” em aplicativos e sites

Basta para isso ir na seção Aplicativos, sites e plug-ins e desativar essa opção. Com ela ativa o Facebook consegue visualizar os seus aplicativos e os sites que acessa. O objetivo, segundo a rede social, é oferecer melhores experiências. Mas como já entendemos que todo cuidado é pouco, clique em “editar” e depois em “desativar plataforma”.

Dica 4 – Limite a exposição de dados a anunciantes

Em configurações, na sessão de Anúncios, é possível que limite a exposição das suas informações aos anunciantes. Basta ir em Suas informações e desmarcar as opções que estão na aba Sobre você. Depois, vá até a aba Suas categorias e exclua todas elas. Considere que essas opções foram colocadas lá pelo próprio Facebook, portanto, interessam a ele e não a você.

Por fim, em Configurações de anúncios, desative: “Anúncios baseados no seu uso de sites ou aplicativos” e “Anúncios em aplicativos e sites de empresas que não sejam do Facebook”. Pronto!

Dica 5 – Desative o reconhecimento facial

Ao desativar essa opção o Facebook não continuará a aprimorar o modelo matemático do seu rosto. É mais uma forma de evitar uma exposição desnecessária para a plataforma.

Dica 6 – Evite dar informações ao Facebook

Basta para isso clicar em Atualizar informações no seu perfil e remover dados como posição política, religião, telefone, entre outros. Assim essas informações não serão mais compartilhadas quando você der acesso à sua conta para um aplicativo. É claro que não é necessário desativar tudo, mas é importante evitar o fornecimento do máximo de dados que puder.

Dica 7 – Evite dar permissões para o aplicativo do Facebook

Remova o máximo possível de permissões. Assim o aplicativo não vai conseguir coletar os seus dados ou pelo menos terá dificuldade em acessá-los. Se o seu aparelho tem o sistema Android, vá em Configurações, Aplicativos, Facebook, Permissões do app e desative as opções (ou a maioria delas). Mas se o seu aparelho é um iPhone, basta ir em Ajustes, App do Facebook e desmarcar o máximo de opções. A dica é eliminar pelo menos localização, câmera, microfone e fotos.

Dica 8 – Controle as publicações na sua linha do tempo

Para isso basta ir em configurações e clicar em “linha do tempo e marcações”. Diversas opções vão aparecer. Elas permitirão que controle a interação dos seus amigos com a sua linha do tempo, o que evita a sua exposição na rede social. É possível definir quem pode publicar e analisar as publicações quando os seus amigos te marcarem e também o que as outras pessoas podem ver.

Dica 9 – Não compartilhe os dados da sua conta do Whatsapp com o Facebook

No Whatsapp, vá em Configurações ou Ajustes, Conta, Compartilhar os dados da minha conta no aplicativo e desmarque Compartilhar dados da conta.

O objetivo dessa opção, segundo as plataformas, é melhorar as experiências com anúncios e produtos do Facebook, porém, ela é mais uma forma de exposição desnecessária dos dados do seu perfil.

Dica 10 – Desinstale o app e aposte no m.facebook.com

Mesmo depois de remover as permissões, ainda assim alguns dados poderão ser coletados pelo simples fato de ter o aplicativo do Facebook instalado. Para evitar o problema, basta desinstalar o app e acessar a versão mobile no m.facebook.com. Coloque essa página na sua tela inicial para ficar fácil o acesso.

Essas 10 dicas são essenciais para evitar que o Facebook use os seus dados da maneira como ele quiser. Utilize a rede social de forma cuidadosa e evite transtornos maiores!


Seja o primeiro a saber

Para finalizar esse artigo, quero saber se você já conhece o novo sistema de notificações do Carreira Solo. Se não conhece, clique nesse link: https://goo.gl/RgFFUK. Basicamente, ele pula cards no Chrome, Firefox, Safari, entre outros navegadores e avisa sobre os novos conteúdos do projeto. Temos um artigo explicando toda a nossa política de uso dessa ferramenta de push notifications.