DBFreebiesco-reune-fontes-backgrounds-e-icones-gratuitos-do-Dribble-e-Behance-em-um-unico-lugar-4

Referências. Elas já foram tema de programa por aqui e são, em resumo, de fundamental importância para a carreira de qualquer criativo. Eu, por exemplo, leio de 6h da manhã às 23h da noite, sem parar. Porque gosto e porque preciso, equilibrando literatura técnica com literatura de verdade.

Relação semelhante com o seu fazer criativo devem ter os designers, ilustradores e desenvolvedores que nos lêem, acredito. E, no cenário de buscar boas fontes de inspiração, dois sites mais do que indicados são o Dribble e o Behance. O primeiro tem uma proposta interessante: compartilhar processos criativos dos mais variados. O segundo, segue mais a linha do “veja meu portfólio que bacana”, com pitadas de rede sociais.

Só que, de uns anos para cá, os dois cresceram muito. E multiplique por dez a sua noção de muito. Em seu acervo existem dezenas de milhares de peças acabadas, sobretudo aquelas que servem de insumos para outros trabalhos, como fontes, backgrounds, ícones, sets de estruturas para desenvolvimento de aplicativos e muito mais. Com tamanha quantidade de coisas para olhar, às vezes boas referências são perdidas. E é aí que entra a jogada de mestre do DFreebies.co.

DBFreebiesco-reune-fontes-backgrounds-e-icones-gratuitos-do-Dribble-e-Behance-em-um-unico-lugar-3
DBFreebiesco-reune-fontes-backgrounds-e-icones-gratuitos-do-Dribble-e-Behance-em-um-unico-lugar-2
DBFreebiesco-reune-fontes-backgrounds-e-icones-gratuitos-do-Dribble-e-Behance-em-um-unico-lugar

A ideia por trás do site é reunir em uma única URL todas as referências gratuitas (daí o nome) tagueados como “free” ou “freebie” tanto no Dribble como no Behance. Assim, eles facilitam o acesso e encurtam o tempo entre você ter uma ideia e achar aquela fonte que vai salvá-lo.

A interface é enxuta e funciona como um agregador mesmo e oferece alguns seletores para você procurar dentro de categorias e nelas, pelos mais curtidos ou vistos. Enfim, uma mão na roda.

Dá um pulinho lá e conte para nós o que achou, ok?