Em 1983, Steve Jobs estava na Aspen Internacional Design Conference e resolveu enterrar uma Time Capsule com seus pertences até então. Mais de 30 anos depois, um programa de TV localizou e desenterrou o artefato histórico-arqueológico.

O resultado: um mouse de um antigo Lisa, um cubo de Rubick, música (claro) e algumas cervejas. O mais curioso: a cápsula deveria ter sido revelada em 2000, mas haviam perdido a localização exata!

Coube ao pessoal da National Geographic completar o feito. Vejam:

Nada mal para a posteridade, não?