Esta é a pergunta que acontecer para muitos que estão trabalhando em casa: como escolher mesa para escritório? mas, com algumas dicas dá para escolher com mais segurança e chance de sucesso. Fique atento!

Quando pensamos na mesa ideal, devemos nos tentar a dois fatores: altura e a dimensão da superfície de trabalho. A mesa deve possuir altura de 54cm (mulheres mais baixas) a 74cm (homens mail altos).

Mesas muito baixas causam inclinação no tronco e cifose lombar (trata-se de um aumento anormal da curva lombar), aumentando a carga sobre o dorso (ou costas) e o pescoço, aumentando dores. Já a mesa muito alta causa elevação dos ombros e uma portura forçada do pescoço, provocando fadiga do ombro e pescoço (CHAFFIN, 2001 apud IIDA, 2005).

Num posto convencional de trabalho, num escritório, dificilmente a altura da mesa é regulável. Então a boa relação mesa-cadeira deve começar pela mesa: o cotovelo deve estar de 3 a 4cm abaixo da mesa, e deve-se deixar, no mínimo 20cm entre a mesa e assento. A cadeira deve ter variação entre 47 e 57cm e um apoio para os pés, para aquelas pessoas de baixa estatura.
Veja a imagem:

Poucas pessoas prestam atenção à superfície da mesa, mas ela deve ser escolhida conforme o tamanho do instrumento que será trabalhado e os movimentos necessários a tarefa que será executada.

A postura

Já foi falado nesse espaço sobre a postura no assento, mas é importante relatar um estudo feito com usuários de computador. Durante muito tempo foi recomendado que a postura diante de um computador fosse ereta, isto é, da coluna a 90 graus. Porém, observou-se que poucas pessoas assumiam essa postura. A posição preferia é a inclinada, semelhante ao assento automotivo:

Sobre a A interação homem – mobiliário – computador

Esta análise é longa, será assunto para alguns posts que veremos a seguir. Todos têm algum desconforto para contar. Começaremos com as principais causas desses desconfortos dos usuários de computador, que são os seguintes:

1. Teclado com inclinação inadequada;
2. Falta de apoios adequados para punhos e antebraços;
3. Cabeça muito inclinada para cima ou para baixo;
4. Pouco espaço lateral para as pernas;
5. Posicionamento inadequado do teclado – a mão faz inclinação lateral (abdução) superior a 20 graus em relação ao antebraço.

No próximo post falarei sobre o teclado e o monitor ideais ergonomicamente. Até!

Bibliografia consultada

ERGONOMIA – PROJETO E PRODUÇÃO. Ed. Edgard Blucher Ltda, 2a. Ed. São Paulo, 2005.

Créditos das imagens: IIDA, Itiro