Não é à toa que o autor Alex Castro vive sendo citado nos programas do FalaFreela. Primeiro porque  foi através dele – ou melhor, de uma amiga em comum – que ouvi a palavra “Blog” pela primeira vez. “Tem um amigo meu, o Alex, que está fazendo umas coisas bem bacanas com o formato Blog. Você deveria tentar “. Daí já viu. Virei leitor.

Segundo porque o autor tem uma história de vida interessantíssima e bem alinhada aqui com os propósitos do Carreirasolo.org. Ele investiu em seu lado “Protagonista” desde cedo, buscando soluções inusitadas para os dilemas da vida, como abrir empresas, ser pioneiro no mercado web, falar de usabilidade quando ninguém sabia o que era isso direito, depois largar tudo e fazer doutorado em literatura em News Orleans justamente da época do Katrina. Enfim, história não falta.

Sim, o Alex Castro tira foto dos pés das meninas

Sim, o Alex Castro tira foto dos pés das meninas

Uma de suas linhas de trabalho mais clássicas é a série de artigos que publicou entre 2003 e 2006 e que balançou a cabeça de muita gente chamada “As Prisões”. Nas palavras do próprio autor:

as PRISÕES são as bolas de ferro mentais e emocionais que arrastamos pela vida. São as ideias pré-concebidas, as tradições mal-explicadas, os costumes sem-sentido.

Se você ainda não ligou o “nome à pessoa”, elas são, sem qualquer ordem de intensidade ou preferência:  verdade, monogamia, religião, sexismo, aceitação, preconceito, conformismo, expectativas dos outros, respeito e obediência, dinheiro, patriotismo, ressentimento, medo, ambição, vergonha e felicidade.

Não adianta procurar, os textos foram  retirados do ar e retrabalhados, revisados e reorganizados por um editor independente e em breve, devem sair em forma de livro.

Sobre a palestra “As Prisões”

A primeira coisa a saber: a palestra é minimalista (Alex é um dos percursores do movimento, tendo saído recentemente na mídia falando desse estranho modo de desapego ao consumo). Será todo mundo sentadinho na areia de Copacabana, embaixo de um holofote, ouvindo o barulho das ondas. Nessa hora, a praia está fresca, bem-iluminada e segura.

Portanto, é uma palesta experimental, tentando comprimir o conteúdo do futuro livro das prisões em duas horas de exposição. O objetivo é testar o material, ver qual será o feedback, o que funciona, etc.

Ao pagar por essa palestra, você está aceitando essas limitações e, na verdade, está afirmando querer fazer parte desse processo de experimentação.

Enfim, uma oportunidade pra lá de bacana, por um preço bem tranquilo e com a possibilidade de conhecer gente interessante e antenada como você. É ou não é uma das coisas mais inteligentes que você já fez na praia de Copacabana? Frescobol incluso.

Serviço

~> Quando: quinta, 25 de abril de 2013, às 20h
~> Onde: posto 3 (altura da siqueira campos), praia de copacabana, rj.
~> Duração: no mínimo, 2h, mas deve alongar.
~> Valor: R$50

Inscreva-se AGORA nesse link!

palestra_prisoes